Danças

Danças Circulares

Justificamos a realização desses encontros de Danças Circulares, por ela poder oferecer aos participantes uma ferramenta importante no desenvolvimento da transdisciplinaridade.

Os cursos promovem a queda dos muros e fronteiras, através do respeito e aceitação das diferenças, reconhecendo o planeta terra como pátria e o ponto central da roda como uma fonte.

Dançando de mãos dadas, temos a oportunidade de observar o significado contido em cada gesto, resgatando a memória dos povos que a vivenciaram.

No círculo não há cantos, tudo está à vista, e a energia percorre livre por todo o espaço, mobilizando os integrantes a união.

Porque indicamos a dança:

Dançar é inspirar, expirar, relaxar, circular, equilibrar, transpirar, rodar, abaixar, levantar, encontrar, desencontrar, dar, receber, pular, parar, segurar, ordenar, soltar, apoiar, observar, repetir, pensar, entender, discernir, conscientizar, entusiasmar, insistir, aspirar, emocionar, celebrar, agradecer, aceitar, respeitar, perdoar, descontrair, serenar, curar, alegrar, entristecer, relembrar, memorizar, contar, calar, olhar, concentrar, ouvir, sentir, tocar, exalar, fechar, abrir, centrar...amar...Enfim, vivemos dançando e dançamos vivendo, em agradecimento a Vida!

Benefícios :

Permitir a dissolução de tensões, contrações e inibições, estimulando a liberação das energias criativas e organizadoras.

Promover a sociabilização, cooperação, integração e o espírito comunitário.

Atuar em grupo sem perder a individualidade.

Equilibrar as emoções, favorecendo a auto-estima.

Perceber a força e o poder da simplicidade e singeleza do círculo.

Resgatar e vivenciar as culturas musicais dos povos.

Respeitar seu próprio limite e descobrir caminhos para superá-los.

Praticar a meditação ativa.

Estimular a percepção, concentração, atenção, memória, ritmo, coordenação motora geral, movimento, equilíbrio e amplia a percepção temporal e espacial.

Aflorar o dinamismo e a serenidade, qualidades inseparáveis para haver equilíbrio na expressão da vida.